A Apple aproveitou o começo da tarde desta quarta-feira (12) para anunciar a quarta geração de seu smartwatch, o Apple Watch. Com tela que ocupa mais da frente do dispositivo e melhorias nos sensores, o Apple Watch Series 4 tem visual e bateria semelhantes aos da geração anterior.

Apple Watch Series 4 ganha tela maior

A principal novidade desta geração do relógio inteligente da Apple é a tela, que consegue ser até 35% maior do que o Series 3 – disponível hoje no mercado. Além disso, os tamanhos do corpo mudaram para 40 e 44 milímetros, há um novo mostrador que é capaz de exibir até oito informações sobre complicações diferentes, como relógio de outros países, temperatura local e índice UV.

O processador passou para a versão S4, com um CPU dual-core de 64 bits, que garante até o dobro de desempenho registrado na geração anterior. Outras novidades incluem alto-falante mais potente, coroa digital com feedback tátil e na capacidade do Apple Watch detectar, com a análise do movimento do braço, a queda do usuário. Tudo acontece graças ao novo chip, que trabalha com novo acelerômetro e giroscópio, mais precisos do que antes.

Apple Watch cada vez mais focado em saúde

O leitor de batimentos cardíacos recebeu melhorias e é capaz de detectar o nível de oxigênio no sangue do usuário, junto de um novo recurso que é consegue realizar uma espécie de eletrocardiograma direto no pulso.

A nova medição é feita com base em um sensor que detecta, em 30 segundos, os pulsos elétricos que são emitidos pelo coração e os dados são analisados pelo watchOS. Toda a informação coletada é enviada ao app Saúde, que pode gerar um histórico em PDF com as medições feitas.

O objetivo destes dados é de identificar alguma doença cardíaca logo no início, aumentando as chances de cura do paciente.

Por fim, ambos os tamanhos de Apple Watch Series 4 trabalham com Bluetooth 5.0, são resistentes até ao nado em água do mar e oferecem altímetro mais preciso do que antes.

Disponibilidade e preço

O novo Apple Watch e o watchOS 5 chega ao mercado a partir desta sexta-feira (14) em pré-venda, nas cores prata, preto e dourado, mantendo a compatibilidade de pulseiras com as da geração anterior – até mesmo com a parceria das criadas pela Hermès.

O preço sugerido é de US$ 399 para a versão de 40 milímetros e sem 4G, subindo para US$ 499 para adicionar dados 4G ao relógio. Ainda não há informações sobre o lançamento do smartwatch no Brasil.

As vendas em lojas físicas começam no dia 21 de setembro deste ano, com o preço do Series 3 caindo para valores que começam em US$ 279.