Quem usar o Chrome no seu smartphone Android vai ter uma surpresa desagradável da próxima vez que tentar efetuar uma captura de tela enquanto estiver a usar o modo anônimo do browser, pois será informado que a app não o permite fazer.

A alteração chegou no Chrome 65 e logo foi observado por todos os que usam frequentemente ao modo anônimo para navegar de forma um pouco mais privada que o habitual. Impedir a captura de tela, uma funcionalidade que se esperaria que estivesse disponível em todo o sistema e se sobrepusesse a toda e qualquer restrição implementada por uma app, é de uma prepotência assustadora, que relembra aos utilizadores que o controlo sobre os seus próprios equipamentos se vai reduzindo cada vez mais.

É certo que no passado já havia apps a tirarem proveito desta “funcionalidade” (por exemplo a app da Netflix); mas ver a Google a seguir o mesmo caminho é algo que se torna bastante mais preocupante, de que deverão ser os utilizadores a ter total liberdade para poderem efetuar uma captura de tela, como e quando quiserem, sem qualquer restrição ou limitação.

Ainda estamos tentando perceber a lógica de que a utilização de um modo anônimo no browser deverá estar associada à impossibilidade de captar um screenshot! Alguém me pode explicar o que tem uma coisa a ver com a outra?